Eventos Notícias

VII Encontro Estadual: cada Ave Maria nos aproxima de Deus

Compartilhe esta notícia:

Paz e Bem!

Um evento realizado no Campinho do Convento na tarde do último sábado (30/05) entrou para a história. O VII Encontro Estadual do Terço dos Homens foi diferente, criativo, interativo e virtual. Assim como a Festa da Penha foi histórica, não só pela longevidade dos festejos de 450 anos, mas pelo formato digital, sem a presença do público, em função da pandemia do coronavírus que exigiu de todos isolamento social solidário, o encontro dos homens do terço também precisou se reinventar, adaptando-se a realidade que vivemos.

Uma grande rede de comunicação se formou afim de ampliar a abrangência do evento, inclusive para outras regiões do Espírito Santo e até para outros estados. A Celebração foi transmitida pelas redes sociais do Convento, pelas Rádios América-ES 91,1 FM, Espírito Santo 1.160 AM e Diocesana de Cachoeiro de Itapemirim 95,7 FM; e também pela TV Educativa-ES, canal 2.1 aberto.

No Campinho do Convento a festa foi bonita e emocionante, isso porque a coordenação estadual do Terço dos Homens organizou a participação de coordenadores locais, municipais, paroquiais e de grupos de terço de todo o Estado, para que eles pudessem participar aos pés do Convento porém dentro dos veículos evitando assim o contato e a aglomeração. Os organizadores posicionaram os carros com 1,5m  de distância de um automóvel para o outro, para não correr nenhum risco. Com isso, uma forma inteligente, criativa de louvar a Mãe Santíssima da Penha, foi buzinar. Em vários momentos eles homenagearam a Virgem das Alegrias buzinando. Além disso, dentro dos carros eles participaram da Comunhão, do Ofertório e da reza do Terço.

A animação dos cânticos ficou por conta do grupo de homens da Paróquia Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, da Praia da Costa, Vila Velha-ES; Eles começaram os cantos às 14h10, com participação do pároco, o Padre Anderson Gomes. Ele conduziu a reza do Terço que teve início às 14h30.

“É bom estar na presença do Senhor, formamos a família de Deus. É bom estar com você, unidos nesta prece. O encontro de hoje é um encontro histórico porque acontece numa modalidade diferente. Distanciados fisicamente, em comunhão com o mesmo espírito, e tem três partes: a oração do santo terço, a Celebração da Eucaristia e em seguida rezaremos cantando a Consagração à Nossa Senhora”, disse Frei Paulo Roberto Pereira na abertura do VII Encontro. Em seguida, o Guardião do Convento saudou o Padre Anderson para dar início a reza do terço.

As dezenas das Ave-Marias foram iniciadas por voluntários e membros da coordenação do Terço dos Homens. Meditando os mistérios gloriosos, os homens rezaram com muita fé, devoção e piedade, com presença de todos Freis do Convento que rezaram juntos. Vale lembrar que os microfone eram higienizados a cada mistério, bem como a distância correta.

Ao final dos mistérios, encerrando a Oração do Terço, os fiéis rezaram a Salve Rainha cantando. Logo após, saudaram a Mãe de Deus com vivas por meio das buzinas.

A segunda parte do Encontro foi com a Santa Missa presidida pelo Guardião da Penha Sagrada. “A bondade do Senhor nos reúne, bendizemos o Seu Nome, reunidos aqui no Campinho do Convento, através dos veículos de comunicação, celebramos a bondade do Senhor no VII Encontro Estadual do Terço dos Homens”, abriu a Eucaristia o frade.

Na homilia, Frei Paulo disse que “estamos inaugurando um novo jeito de louvar a Deus fazendo o buzinaço” e pediu que os participantes no Campinho buzinassem para saudar a Mãe de Deus. Ele afirmou que nestes tempos vai se revelando a importância da comunidade. Trouxe também a saudação do Arcebispo Dom Dario que destaca a “importância deste encontro estadual para o fortalecimento da missão do terço, da missão dos homens do terço, que não é outra, senão a missão da própria Igreja: anunciar Jesus Cristo Vivo, presente entre nós”, na sequência, Frei Paulo destacou também a mensagem do Bispo Referencial do Terço dos Homens na CNBB e Arcebispo de Juiz de Fora, Dom Gil Antônio Moreira. “Ele reconhece o crescimento do movimento do Terço dos Homens no país inteiro e especialmente aqui no nosso estado do Espírito Santo onde a marca da devoção mariana já é uma característica expressiva e inconfundível”, afirmou.

O Frade ainda enfatizou a presença dos representantes de terço dos homens de vários lugares, o que gera comunhão. “Talvez você ainda não tenha se dado conta, nem tenha percebido, mas aquele encontro semanal de homens, ali na sua comunidade, na cidade ou nos interiores, nunca será uma manifestação de um grupo isolado, mesmo naqueles dias tristes e você meio desanimado reclama dizendo ‘é, hoje veio pouca gente, nosso grupo está muito pequenininho, vamos acabar com o terço…’, saiba que mesmo nestes dias, a recitação das Ave Marias, tantas vezes repetida, é inspirada na fé partilhada por incontáveis pessoas espalhadas pelo mundo todo”, e disse diretamente aos tercistas: “Homem do terço sua fé nunca será privativa, sua prece tem o dom de promover a comunhão, de ressalvar a unidade, de fazer a Igreja ser Igreja, afinal a unidade é que define o rosto da Igreja, se não há comunhão, não há Igreja. A Igreja se fundamenta na unidade entre homens e mulheres, adultos e crianças que creem em Jesus Cristo e desejam conhecê-Lo cada dia mais e testemunhar seu projeto de vida, vida abundante para todos”, afirmou.

Frei Paulo destacou também que os mistérios do rosário sintetiza a predileção e o carinho divino pela humanidade como um caminho de catequese. “Deus vem ao encontro das nossas fraquezas, nos ampara, nos auxilia, nos dá de presente a glória do céu, enche a nossa existência de luz… Ao desfiar as contas do terço, vamos conhecendo a bondade e o carinho de Deus, cada Ave Maria nos faz aproximar da ternura da Mãe do Senhor. O Senhor que derruba os poderosos e eleva os humildes, cada Ave Maria nos faz conhecer e aproximarmo-nos do projeto de Deus revelado em Jesus Cristo”, explicou.

Por fim, Frei Paulo Roberto contou que o caminho de intimidade com o Senhor se dá por meio da oração, uma intimidade que fortalece, dá vigor, protege dos males e perigos. Usando as palavras do Papa Francisco, o frade afirmou que “o homem do terço é homem de oração, é homem da intimidade com o Senhor, é testemunha da Ressurreição, é enviado a anunciar a vitória de Cristo sobre a morte”.

Sobre o tempo que estamos vivendo, de pandemia do coronavírus, o Guardião disse: “os dias que vivemos devem apontar a importância da constância na oração e na confiança, devem confirmar nossa esperança. Vai passar! A morte não tem a última palavra, a vida sempre vencerá. Por isso, para além de uma crise sanitária e de saúde pública de dimensões universais, o tempo que estamos vivendo será, para quem crer, um tempo de purificação”, explicou.

Veja a reflexão completa abaixo

Muitas pessoas de fora do Espírito Santo participaram. Grupos de terço do Rio de Janeiro, Minas Gerais, São Paulo e até de Santa Catarina. Alguns devotos de Portugal, Estados Unidos, Itália, também participaram pela internet.

Após a Comunhão, o Padre Anderson Gomes, que concelebrou a Eucaristia, cantou a “Consagração”, para que cada tercista pudesse também se consagrar à materna proteção de Deus. O momento foi emocionante e inesquecível.

Encerrando o Encontro, o coordenador estadual do Terço dos Homens, Jamilson Guerini, subiu ao palco para agradecer a todas as pessoas envolvidas na organização e realização da Celebração da sétima edição do evento, especialmente o Frei Paulo Roberto que foi o “idealizador do Terço virtual e interativo”. Jamilson inclusive cogitou cancelar o Encontro deste ano, mas após uma conversa com o frei, decidiram realizar em moldes diferentes. Agradeceu também a presença do Padre Anderson que se mostrou sempre solícito aos pedidos dos homens do terço. Agradeceu ao Jarbas, que é o coordenador de relações públicas, ele esteve a frente da organização deste 7º Encontro. O Encontro Estadual de 2021 já tem data para ser realizado: Dia 29 de maio de 2021.

Veja o VII Encontro na íntegra

Selecionamos também algumas fotografias


O Movimento

A missão do Terço dos Homens é resgatar, para o seio da Igreja de Cristo, homens de todas as idades, pois a presença masculina na Igreja é imprescindível para a formação da família e da sociedade cristã. Os homens dão exemplo de fé e devoção.

O Terço dos Homens é um demonstração de amor à Nossa Senhora, como maneira de retribuição às bênçãos e graças . A reza do terço, além de nos conduzir para o clima de oração, leva-nos a meditar sobre os principais mistérios da redenção que Cristo nos oferece. Com a meditação do mistério redentor, também lembramos Maria de Nazaré, que assumiu a maternidade divina fazendo a vontade de Deus, dando-nos o Salvador. Este foi o jeito que o Pai escolheu para nos dar seu único Filho.

Adicionar Comentário

Clique aqui para comentar

Eventos

SuMoTuWeThFrSa
 

1

2

3

4

5

6

7

8

9

10

11

12

13

14

15

16

17

18

19

20

21

22

23

24

25

26

27

28

29

30

31

 
 « ‹jul 2020› » 

Saiba mais

Facebook

No upcoming event