#tbt: Toda Terça Tem Terço em família… E com as crianças!

Compartilhe:

Paz e Bem.

Toda Terça Tem Terço em Família! Certamente você já ouviu essa frase inúmeras vezes, sejam nas redes sociais do Convento ou nos aplicativos de mensagens. O mais famoso bordão das mídias digitais do Espírito Santo já indica que semanalmente tercistas de vários lugares do Brasil e do mundo se encontram virtualmente pelos canais de comunicação do Convento. O Terço certamente ajuda (e tem ajudado) o mundo a ser melhor. Meditar os mistérios da encarnação do Redentor, partilhar a experiência com outras pessoas e transformar o mundo em Reino de Deus.

Há mais de um ano, toda semana a fraternidade franciscana do Convento reza o terço pelo fim da pandemia e pelas várias intenções que milhares de fiéis apresentam. Inicialmente, o encontro era em razão da prece pela boa realização do 7º Encontro Estadual do Terço dos Homens 2020, depois, a iniciativa foi tão plausível que os homens continuaram subindo à Penha para rezar. Até que em outubro a oração passou por uma nova repaginação.

Com a retomada das atividades nas paróquias e comunidades, os grupos de terço aos poucos foram retornando com as reuniões presenciais, mas para que o nosso “Grupo de Terço Virtual” não acabasse, a fraternidade da Penha decidiu que Toda Terça Tem Terço, isso mesmo, todas as terças-feiras uma família participava da oração do Rosário pelas redes sociais do Convento.

A primeira família contemplada com a oração do Terço foi a família Zampieri, da Praia da Costa, Vila Velha. Maria da Penha Zampieri, Maria Conceição Zampieri e a matriarca Catharina Zamborlini Zampieri, que naquela ocasião tinha 98 anos (ela faleceu no último dia 4 de junho).

Como hoje é dia de #tbt, vamos recordar uma outra família que marcou bastante as orações do Terço pela internet. A família Sanches, da Paróquia Nossa Senhora da Conceição Aparecida, Cobilândia, Vila Velha, teve a linda participação de duas crianças. A pequena Luísa e o menino Gabriel. Eles rezaram o 5º Mistério do Santo Terço e claro, provocaram uma verdadeira chuva de coraçõezinhos na transmissão. Essa fofura toda foi um dos momentos marcantes que você pode recordar conosco no vídeo abaixo.

A gente sempre gosta de lembrar essa proximidade da Mãe do Céu com os filhinhos na terra. De geração em geração, sempre elas… As crianças! “Deixem vir a mim as crianças e não as impeçam; pois o Reino dos céus pertence aos que são semelhantes a elas” (Mt 19, 14)

Posts Relacionados

Facebook

Instagram

Últimos Posts

X