#SOUC2020: Esperança renovada pela Missão e pela Eucaristia

Compartilhe:

Paz e Bem!

Hoje, terça-feira (26) é o terceiro dia da nossa Semana de Oração pela Unidade Cristã, vamos refletir o trecho do livro de Atos dos Atos 27,22-25.35-36: Mas agora eu vos convido a manter a coragem; pois nenhum de vós perderá a vida,somente o navio se perderá… nenhum de vós perderá um cabelo sequer de sua cabeça.

ESCRITURAS

  • Salmo 27
  • Mateus 11,28-30

Reflexão

As circunstâncias tempestuosas anunciavam que aquela tripulação iria perecer, mas o apóstolo Paulo, movido pela fé, instava aquele povo a manter firme a esperança, garantindo a sobrevivência de suas vidas. É que Deus estava em Missão no mundo, e a comissão de Paulo incluía seu testemunho do Evangelho da Graça no centro do império romano, apesar de tantas forças contrárias. A vida daquelas pessoas fazia parte da trama divina. Nós, comunidades cristãs ecumênicas, comissionadas pelo Deus missionário para darmos testemunho do Evangelho da Graça, também precisamos manter a esperança, apesar das forças contrárias que, muitas vezes de dentro dos próprios arraiais cristãos, se insurgem violentamente contra nós, e contra todos e todas que atuam em favor da vida. O Deus que tem poder de aplacar a fúria dos mares revoltos é o nosso fiador. Como meio de renovação da esperança, o apóstolo juntou o povo para a partilha fraterna do pão. A cena que se registra é uma bela imagem do rito eucarístico. Depois que se alimentaram, recobraram o ânimo. É quando insistimos, mesmo em meio às adversidades, em manter a comunhão, a partilha e a mística que nossa esperança é reanimada.

A Semana de Oração pela Unidade Cristã é um meio de nos alimentarmos e reanimarmos nossas forças. Aquele que venceu a morte infunde sua vida em nossas vidas. Mantenhamos, pois, a esperança!

Oração

Ó Deus missionário, renova nossa esperança pela lembrança de que somos parte de tua trama divina.  Que no meio das circunstâncias tempestuosas, mantenhamos teimosamente a comunhão, a partilha e a mística, e que estes gestos de fé tenham a capacidade de reanimar nossas forças durante nossa travessia nessa vida. Pelo poder do Cristo morto e ressurreto.

Amém.

Posts Relacionados

Facebook

Instagram

Últimos Posts

São Boaventura: uma voz ainda atual

Por ocasião do 750º aniversário da morte de São Boaventura , que celebraremos no dia 15 de julho de 2024, foi publicada a Carta dos Ministros Gerais

X