Virgem da Penha, em romaria, intercede pelo povo, a Deus, por saúde

Compartilhe:

Paz e Bem! Do mesmo jeito que Nossa Senhora, “insistiu” em fazer morada no cume do monte, assim a mesma Mãe desceu mais uma vez ao encontro dos seus filhos, e principalmente os que mais precisavam. Na noite do domingo (11-04), aconteceu a Romaria Virtual das mulheres. Conduzida pelos freis Pedro Oliveira (Convento da Penha) e frei Gustavo Medella (Vigário Provincial), a imagem percorreu as ruas da cidade de Vila Velha, num trajeto profético e consolador, os principais hospitais e centros de saúde da cidade.

Saindo dos pés do Convento, a Mãe das Alegrias foi em direção ao hospital Vila Velha, e lá fez sua primeira parada. Neste hospital se encontra hospitalizado frei Paulo Roberto, guardião do Convento. Na oração nesse lugar, frei Pedro Oliveira assim clamou: “Virgem da Penha, olhe por frei Paulo, guardião do teu Santuário, abençoe e interceda junto a Deus por ele”. A grande Serva do Senhor, foi em direção ao seu servo, abençoar e cuidar dele!

Continuando o trajeto, a imagem circulou por diversos bairros, fazendo paradas, para pedir saúde aos doentes e força e coragem aos profissionais da saúde, que devotam sua vida em favor do próximo. Os locais de parada foram: Hospital Evangélico, Hospital São Luiz, Hospital Santa Mônica e o hospital Praia da Costa. Além desses lugares, algumas unidades de saúde de alguns bairros, foram abençoadas pela presença da Virgem da Penha.

Frei Paulo e frei Gustavo, não deixavam passar nada, sem agradecer ou rezar. Por funcionários de fábricas, pelos moradores, pelos profissionais do transporte público, policiais, trabalhadores da reciclagem e os irmãos que se encontram em situação de rua. O que não faltou, foram Vivas a Nossa Senhora da Penha, orações, abanos, pessoas de joelho, luzes piscando, respeito, mas acima de tudo, piedade e devoção.

Foram três horas de Romaria Virtual e interativa, milhares de pessoas acompanhando, milhares de corações atentos às telas e com o ouvido atento aos vivas. Sim, a Virgem não passou em todas as ruas da cidade, mas com certeza adentrou em todos os corações que com fé e devoção rezavam.

“Virgem da Penha, olhe por seus filhos que morrem, seja a condutora aos céus. Seja o consolo de tantas famílias enlutadas. Seja a força e o descanso dos profissionais da saúde. Estenda o manto e cuide de todas as pessoas, para que não percam a verdadeira Alegria que vem de Deus”.

Viva Nossa Senhora da Penha!

Texto de Matheus Borsoi e fotos de Danilo Luca

Posts Relacionados

Facebook

Instagram

Últimos Posts

Aquele 13 de maio de 1981

Paz e Bem! Quarenta anos atrás, o dramático atentado ao Papa João Paulo II na Praça São Pedro. Um dia que entrou na memória coletiva

X