Tempo da Criação: práticas de reúso em casa

Compartilhe:

Paz e Bem.

Estamos vivendo o Tempo da Criação, um Movimento Católico Global pelo Clima, que se une aos esforços de diversas iniciativas pelo mundo afora. O Convento da Penha, em parceria com o Grupo Fraternidade e Vida, está realizando uma ação em prol dos catadores e catadoras e em atenção ao cuidado com a Casa Comum.

Por meio da Campanha “O lixo que vira pão”, diariamente nas nossas redes sociais, acompanhamos depoimentos de diversas pessoas que realizam um trabalho cuidadoso e zeloso pelo meio ambiente, pela separação correta do lixo e pela destinação adequada dos resíduos sólidos recicláveis.

No último domingo, conhecemos o exemplo do pequeno Davi de apenas 5 anos. Ele ensinou como separar adequadamente o lixo seco do lixo úmido. Agora, vamos conhecer o exemplo da Marina Cunico de 14 anos. Ela é ativista social e ambiental desde os 5 anos, realizando campanhas para os mais carentes, de material escolar, bicicletas, cestas básicas e etc.

Veja o vídeo abaixo e conheça algumas práticas de reúso de materiais recicláveis.

 

 

 


 

O que é o “Tempo da Criação”?


O MOVIMENTO

Desde o dia 1º de setembro, quando comoramos o Dia Mundial de Oração pelo Cuidado com a Criação até o dia 4 de outubro, Festa de São Francisco de Assis, Padroeiro da Ecologia, estamos vivendo o Tempo da Criação. Muitos cristãos se unem neste momento especial para refletir, rezar e realizar ações concretas que permitam à humanidade viver um estilo de vida que cuida solidariamente da Casa Comum.

Tempo da Criação é movimento Movimento Católico Global pelo Clima, que se une aos esforços de diversas iniciativas pelo mundo afora (e também de outras religiões) para agir em defesa do planeta. Uma ocasião oportuna para o exercício do cuidado. A iniciativa ecumênica celebrada desde 1989, propõe que os cristãos em todo o mundo busquem a reconciliação com nosso Criador durante esta celebração anual. O Patriarca Ecumênico Dimitrios I, da Igreja Ortodoxa, proclamou, em 1989, o dia 1º de setembro como Dia de Oração pela Criação. Na verdade, o ano da Igreja Ortodoxa começa naquele dia com uma comemoração de como Deus criou o mundo. Outras grandes igrejas cristãs europeias deram as boas vindas a este dia em 2001, e o Papa Francisco o fez pela Igreja Católica Romana em 2015.

Os frades franciscanos aderem com entusiasmo a esta iniciativa ecumênica. Várias Províncias da Ordem, por meio dos escritórios de Justiça, Paz e Integridade da Criação (JPIC), organizam atividades em conjunto com a Família Franciscana. Este ano nos reunimos com mais força e esperança desde a Revolução Laudato Si’. No Convento da Penha, a fraternidade franciscana está realizando a Campanha “O lixo que vira pão”, em parceria com o o Grupo Fraternidade e Vida. O objetivo é estimular adoção de práticas que colaboram com o sustento de milhares de famílias. Por meio de vídeos diários, os fiéis são levados a separar de forma adequada o lixo, resíduos domésticos, em secos e úmidos. Através dessa separação, o que é para muitos é lixo, para o catador é sustento, é comida, é pão: o lixo que vira pão.

Posts Relacionados

Facebook

Instagram

Últimos Posts