Igreja Pelo Mundo Notícias

#tbt das obras, mirantes e grades do Convento

Compartilhe esta notícia:

Paz e Bem!

Na noite da última terça-feira, os amigos, voluntários e os freis do Convento foram surpreendidos com a triste notícia do falecimento do colaborador Sérgio Tanure, aos 59 anos de vida, um urbanista responsável por diversos projetos e obras na estrutura física e paisagística do Convento da Penha. Vítima de covid-19, ele entra no lamentável e crescente número de casos da doença no Espírito Santo.

Hoje, quinta-feira, como forma de homenageá-lo, preparamos algumas recordações de intervenções feitas por Tanure no Convento. Ele era bastante sorridente, feliz, amigo, com boas vibrações e um devoto de Nossa Senhora da Penha.

A primeira obra que vamos recordar é do “Recanto de São Francisco”, que a inauguração foi no dia 04 de outubro de 2016 (Dia de São Francisco de Assis), um lugar especial, acolhedor e maravilhoso no Convento da Penha. O local já era frequentado por alguns visitantes, no entanto, não oferecia condições de segurança ou possibilidade de permanência. “Era uma pedra no meio do mato” onde os mais curiosos entravam para fotografar, contemplar a vista, e rezar. Foi pensado então em construir uma extensão, um complemento da Capelinha de São Francisco, para que com total segurança e conforto os visitantes pudessem passar por lá e desfrutar da beleza de Deus expressa na natureza.

Tanure também foi responsável pelos projetos dos mirantes, de rampas de acesso para cadeirantes e pessoas com mobilidade reduzida; paisagismo de jardins e do Campinho; além da elaboração de projeto de extensão provisória do palco para atender demandas técnicas durante a Festa da Penha. Ele também pensou e executou obras aos pés do Convento, com a construção e reforma da Casa Verde, reforma da estação rodoviária de embarque das vans e do cuidado com a natureza nas estradas de rodagem e da Penitência.

Uma das mais importantes obras feitas por Tanure no Convento foi a instalação das grades de proteção nos mirantes do Convento e demais melhorias que foram realizadas antes dos festejos da Padroeira do Espírito Santo no ano de 2018. Além de grades, foram realizadas reformas de pisos, adaptações de algumas escadas, construção de rampas de acesso e de uma pequena praça de alimentação; além de pinturas externas, recolocações de ambientação e facilitação ao acesso de pessoas com mobilidade reduzida.

A ideia era possibilitar mais acesso de pessoas com segurança e total conforto. A “pedra” principal (mirante frontal) que antes era quase um “precipício”, ganhou grades de proteção do estilo “guarda-corpo”, possibilitando que crianças corram, brinquem, fiquem “soltas”. Esta iniciativa foi muito comemorada pelos frequentadores do Convento, visitantes, romeiros e devotos.

Por fim, vamos recordar a construção e reforma da Casa Verde. O local contava com uma sala de reuniões, mini auditório para encontros, residência para estadia de Freis que visitam o Convento e na parte externa, uma Imagem de São Francisco de Assis feita em arame (imagem abaixo)

Eventos

SuMoTuWeThFrSa
 

1

2

3

4

5

6

7

8

9

10

11

12

13

14

15

16

17

18

19

20

21

22

23

24

25

26

27

28

29

30

31

 
 « ‹Maio 2020› » 

Saiba mais

Facebook

No upcoming event