#tbt: “A rua não é lugar para morrer”, trecho da homilia de Dom Dario

Compartilhe:

Paz e Bem!

Há 450 anos, o Estado do Espírito Santo celebra a sua Padroeira Nossa Senhora da Penha. Mas pela primeira vez, em quatro séculos e meio de festividades, a terceira maior festa mariana do Brasil precisou se reinventar diante da pandemia do novo coronavírus que chegou ao país. Com isso, toda a programação foi realizada de forma virtual e interativa. Os fiéis devotos de Nossa Senhora da Penha puderam acompanhar,  pelos meios de comunicação e mídias sociais, todos os momentos dos 9 dias de Festa em honra à Mãe das Alegrias.

A partir de hoje, todas as quintas-feiras vamos recordar esses momentos especiais no #tbt da #FestadaPenha450anos. Hoje, lembramos um trecho da homilia do Arcebispo Metropolitano de Vitória, Dom Frei Dario Campos, OFM, na Santa Missa da Abertura do Oitavário, celebrada na pequena e histórica capela do Convento da Penha, no domingo, dia 12 de abril.

Dom Dario lembrou que vivemos um tempo desafiador de isolamento social e de grande mudança de hábito, assumido com responsabilidade e cuidado diante das indicações de órgãos internacionais e nacionais de saúde, devido à pandemia covid-19. “A nossa Semana Santa foi marcada pelos fiéis fisicamente distantes, mas unidos espiritualmente em todas as celebrações, a maioria delas transmitida pelos meios de comunicação social”, lembrou.

O Arcebispo Franciscano se dirigiu a todos os fiéis devotos, reunidos em família, em suas casas, na igreja doméstica, no desejo de levar uma palavra de conforto, de fé e de esperança. “Dirijo uma palavra de alegria e conforto a todos os irmãos e irmãs de nossas Comunidades Eclesiais de Base, espalhadas em toda a nossa Arquidiocese. Enfim, convido a todos a repartirmos juntos e proclamarmos com alegria: o Senhor ressurgiu e está vivo no meio de nós!”, convidou.

Segundo Dom Dario, diante dessa pandemia que assola o mundo, “somos convidados a partilhar”. “Nós não podemos sair deste momento em que a humanidade vive do mesmo jeito que entramos. Nós temos que sair mais solidários, mais irmãos, mais fraternos, menos egoístas, menos rancorosos, menos vaidosos. Ter amor com o próximo, com aquele que necessita. Deixar o lucro de lado e fazer a partilha do pão”, pediu Dom Dario.

Leia a homilia completa aqui.

“Gosto de repetir essa frase do nosso Papa Francisco: ter cuidado com os nossos irmãos que vivem na rua. A rua não é lugar para se morar. A rua não é lugar para se morrer”, lembrou.


 

Posts Relacionados

Facebook

Instagram

Últimos Posts