Outubro: mês de combate ao câncer

Compartilhe:

Paz e Bem!

O mês de outubro é dedicado às missões. É o Mês Franciscano, isso porque logo no início, celebramos São Francisco, nosso Pai e Fundador; São Benedito, São Frei Galvão e muuuitas  outras datas importantes. Além de ser também período em que a sociedade civil é convidada a olhar com mais atenção à saúde da mulher, é tempo da Campanha Outubro Rosa, que reflete a importância da prevenção e do diagnóstico precoce ao câncer de mama. E não para por aí! Já deu para perceber que será um mês com uma programação intensa.

O Convento da Penha se uniu aos esforços dos que lutam por uma vida saudável e de intenso combate ao câncer bem como de outras doenças. A contribuição do Santuário da Mãe das Alegrias à campanha, é incentivar a prevenção, as discussões na sociedade e dar coragem motivadora para o tratamento. A fraternidade não tem outra coisa a pedir, além de fé.

A Campanha Outubro Rosa, como em todos os anos, realiza inúmeras ações de educação e de orientação para a detecção precoce do câncer de mama, pela Afecc-HSRC em parceria com o poder público e a iniciativa privada. Entre as ações para chamar a atenção da população, está o uso da camisa da Afecc para o Outubro Rosa.

Entre as ações presenciais está a Loja Outubro Rosa, montada no 1º Piso do Shopping Vitória, próximo da Camicado e ao lado da Le Postiche,  obedecendo às regas de funcionamento do local, o que neste ano inclui o uso obrigatório de máscara. No interior da loja tem frascos de álcool para limpeza das mãos e limite para atendimento simultâneo. A loja abriu as portas no dia 21/09. Os dias e horários de funcionamento são os mesmos das demais lojas do Shopping. Passa lá e colabore com o movimento adquirindo a camisa e peças alusivas à campanha. Para adquirir a camisa Outubro Rosa 2020, basta doar R$ 25,00. Toda a arrecadação será destinada ao tratamento de câncer dos pacientes do SUS no Hospital Santa Rita.

Dados do câncer

A estimativa do Instituto Nacional do Câncer (Inca) é de que no Brasil, surgirão 66.280 novos casos de câncer de mama, para cada ano do triênio 2020-2022. Esse número corresponde a um risco estimado de 61,61 casos novos a cada 100 mil mulheres.

No que diz respeito ao câncer de próstata, a estimativa do Inca para o Brasil é de  65.840 novos casos para cada ano do triênio 2020-2022. Esse valor corresponde a um risco estimado de 62,95 casos novos a cada 100 mil homens.

No Espírito Santo, somente o Hospital Santa Rita atendeu, em 2019, a 727 novos casos de câncer de mama, 402 de colo de útero, e 572 novos casos de próstata. No ano de 2018 foram 632 casos novos de câncer de mama, 340 de colo de útero, e 493 novos casos de câncer de próstata.

Portanto, o medo da Covid-19 não pode superar a iniciativa de cada um em cuidar de sua própria saúde e de seus familiares. Com a pandemia, a vida mudou, mas a forma de cuidar dela, não.

Atenção aos sintomas

Os principais sinais e sintomas suspeitos de câncer de mama são nódulo (caroço) fixo e, geralmente, indolor; mudança na posição ou formato do mamilo; vermelhidão, retração ou aparência de casca de laranja na pele do seio; saída espontânea de líquido pelo mamilo e caroços no pescoço ou axilas.

Entre as medidas que contribuem para prevenir o câncer de mama estão a adoção de comportamentos protetores, como seguir uma alimentação saudável, praticar atividades físicas com regularidade, evitar bebidas alcoólicas e manter o peso adequado. Essas ações são capazes de evitar 28% de todos os casos da doença.

Como prevenir?

Cerca de 30% dos casos de câncer de mama podem ser evitados com a adoção de hábitos saudáveis como:

  • Praticar atividade física;
  • Alimentar-se de forma saudável;
  • Manter o peso corporal adequado;
  • Evitar o consumo de bebidas alcoólicas;
  • Amamentar
  • Evitar uso de hormônios sintéticos, como anticoncepcionais e terapias de reposição hormonal.

Campanha de 2020

Com o mote “Cuidado com as mamas, carinho com seu corpo”, o INCA e o Ministério da Saúde aderiram à campanha Outubro Rosa 2020.

O câncer de mama é segundo tipo que mais acomete brasileiras, representando em torno de 25% de todos os cânceres que afetam o sexo feminino.
A prática de atividade física e de alimentação saudável, com manutenção do peso corporal adequado, estão associadas a menor risco de desenvolver câncer de mama: cerca de 30% dos casos podem ser evitados quando são adotados esses hábitos. A amamentação também é considerada um fator protetor.

Os principais sinais e sintomas da doença são: caroço (nódulo), geralmente endurecido, fixo e indolor; pele da mama avermelhada ou parecida com casca de laranja, alterações no bico do peito (mamilo) e saída espontânea de líquido de um dos mamilos. Também podem aparecer pequenos nódulos no pescoço ou nas axilas.

Não há uma causa única para o câncer de mama. Diversos agentes estão relacionados ao desenvolvimento da doença entre as mulheres, como: envelhecimento (quanto mais idade, maior o risco de ter a doença), fatores relacionados à vida reprodutiva da mulher (idade da primeira menstruação, ter tido ou não filhos, ter ou não amamentado, idade em que entrou na menopausa), histórico familiar de câncer de mama, consumo de álcool, excesso de peso, atividade física insuficiente e exposição à radiação ionizante.

Campanha no Convento

O Convento da Penha também aderiu a campanha de conscientização por meio da iluminação do monumento na cor rosa. Todos os dias, a cada hora (18h, 19h, 20h, 21h, 22h, 23h) as paredes laterais do Convento recebem, durante 5 minutos, a iluminação cênica rosa. O objetivo é alertar e chamar atenção do público, especialmente as mulheres, para a importância do diagnóstico precoce e um tratamento adequado.

Por que a Afecc?

É por meio de doações que a Associação Feminina de Educação e Combate ao Câncer (Afecc) consegue desenvolver e manter os programas e projetos sociais voltados, exclusivamente, para os pacientes do SUS em tratamento de câncer no Hospital Santa Rita de Cássia.

Para manter esses programas e projetos sociais e, principalmente, para levá-los a mais pacientes, a Afecc precisa da sua ajuda.

Como sua doação pode ser usada?

Clique no banner abaixo e saiba como contribuir.

Com informações de AFECC e INCA.

Posts Relacionados

Facebook

Instagram

Últimos Posts