Nossa Senhora é Mãe das Dores

Compartilhe:

“Quero ficar junto à cruz, velar contigo a Jesus e o teu pranto enxugar!”

Paz e Bem!

Nos momentos de aflição em nossas vidas, o exemplo de Maria aos pés da cruz conforta os nossos corações e nos enche de esperança. Assim reza Alfonso Milagro:

“Minha mãe, tu que estavas aos pés da cruz com uma dor tão intensa, não te esqueças de mim; eu me aproximo de ti com o mais lúcido amor e a mais serena piedade e te agradeço, doce Senhora da dor sem pranto, porque nos deixaste o melhor alento e consolo para as horas em que o espírito se sente seco e árido.” (Milagro, Alfonso. Os cinco minutos de Maria. São Paulo: Ave-Maria, 1989.)

Ó Deus, cuja força e amor sustentou vosso Filho Jesus e Maria, sua mãe, na hora derradeira da cruz, olhai compassivo para nós em nossos momentos de dor, angústia e aflição. Por Cristo, nosso Senhor. Amém.

O tempo difícil e doloroso que estamos vivendo, da pandemia do coronavírus, nos faz irmãos ainda mais unidos em oração pelo alcance à misericórdia de Deus. O pânico não deve nos submeter à atitudes intimistas, voltadas apenas para dentro de si mesmo. Soltamos aos mãos, uns dos outros, para abraçar os corações.

À Senhora das Dores, que é Mãe das Alegrias, Mãe da Ternura, Mãe da Piedade, elevemos nossa súplica de piedade e misericórdia, porque mesmo pecadores, Deus nos protege e nos livra dos males.

Nossa Senhora das Dores, eu te apresento todas as minhas necessidades, mágoas, tristezas, misérias e sofrimentos. Ó Mãe das Dores e Rainha dos mártires, que tanto sofreste ao ver teu Filho flagelado, escarnecido e morto para me salvar, acolhe minhas preces. Mãe Amável, concede-me uma verdadeira contrição dos meus pecados e uma sincera mudança de vida.

Nossa Senhora das Dores, quando as dores vierem e os sofrimentos chegarem, não me deixes desanimar. Mãe das Dores, envolve-me em teu sagrado manto e ajuda-me a passar pelo vale de lágrimas.

Posts Relacionados

Facebook

Instagram

Últimos Posts