Notícias

Frei Pedro recorda a morte do menino Miguel e reza pelas famílias enlutadas

Compartilhe esta notícia:

Paz e Bem!

A Missa das 15h desta segunda-feira (08/05) foi presidida pelo Frei Pedro de Oliveira Rodrigues, o frade capixaba da fraternidade do Convento da Penha. Fiéis de diversas partes do estado e de todo o mundo puderam acompanhar a transmissão ao vivo pelas redes sociais (YouTube, Facebook e Instagram do Convento). Celebração esta que já virou um compromisso diário dos freis da Penha com os devotos da Mãe das Alegrias, rezando pelo fim da pandemia e pelas intenções de todos.

Ao iniciar a Celebração, Frei Pedro recordou as famílias que tanto sofrem pela perda de seus amigos e familiares queridos. Dizendo palavras de encorajamento e de esperança, ele disse: “Queremos nos irmanar nesta mesma fé, a fé que nos mantém de pé, fé que nos leva a acreditar que tudo é possível para quem crê, tudo é possível para quem confia em Deus…”. Em seguida recordou alguns falecidos, entre eles a Jucir que era devota de Nossa Senhora da Penha e fazia parte da banda de congo “Panela de Barro”. Recordou ainda a tragédia ocorrida em Recife-Pernambuco, onde Miguel Otávio de Santana de apenas 5 anos caiu do 9º andar de um prédio onde sua mãe trabalhava. “Não podemos deixar de lembrar aqui o Miguel, aquela criança de 5 anos que caiu do 9º andar daquele prédio em Recife… Quanto vale uma vida, quanto? Nós queremos nos unir ao pai e a mãe do pequeno Miguel, uma criança negra…”, lamentou o Frei.

Ainda no início da Missa, os profissionais de saúde em geral, os profissionais da limpeza e da manutenção dos hospitais e todos os que se dedicam ao cuidado dos doentes pela Covid-19, foram lembrados pelas intenções do Frei Pedro.

Na homilia, Frei Pedro deixou uma mensagem àqueles que estão com o coração inquieto, angustiado, com ‘mil interrogações’ na cabeça. “Volte o seu olhar para o alto, ou seja, o céu é o nosso destino, a eternidade é o desfecho da nossa peregrinação aqui na terra. Somos seres de passagem por aqui”. E completou: “no meio de tanta violência, tanta intolerância, tanta desigualdade, queremos pedir ao Senhor: Senhor, fazei de mim um instrumento de vossa paz”.

 


Celebração pelas famílias enlutadas

No último sábado (06/07) as famílias enlutadas que não puderam sequer sepultar dignamente ou realizar cerimônias de funerais, velórios, despedidas, foram abraçadas pela fraternidade do Convento. Por ocasião da 4ª Celebração do Abraço e da Esperança, o Frei Alessandro Dias confortou as famílias e trouxe palavras de esperança para todos.

A transmissão teve início com belas imagens do fim da tarde visto pela varanda do Convento, o sol deixando o céu alaranjado, alternando com imagens de Cristo Crucificado com som de flauta de fundo.

Frei Alessandro disse, durante a reflexão, que “é importante termos a sensibilidade para com a Palavra de Deus que mostra uma esperança. São Paulo mostra que há uma vida muito mais interessante que esta vida. Às vezes, a gente acha tão envolvente essa vida que investe muitas coisas, nosso tempo, nossas forças, nossos pensamentos, em coisas que são passageiras, como bens materiais, posições da sociedade e a gente esquece o essencial que é a verdadeira felicidade do ser humano que é estar em comunhão com Deus… A fé, Deus se revela com quem se faz pequenino diante Dele, por isso que todos nós quando chegamos diante da morte, vemos ali quem é o ser humano. Todos nós somos iguais perante a morte, ricos e pobres morrem, brancos, negros, índios, asiáticos, europeus, latinos, todos nós somos sujeitos a morte, estamos encaminhando em direção à morte, mas para além disso, existe a vida nova, a vida eterna que Jesus nos traz”, disse o Frei.

Frei Alessandro alertou que precisamos manifestar nosso amor ao próximo como Jesus ensina nos mandamentos, devemos agradar a Deus, pensando se estamos convivendo bem com as pessoas.

Diante da dor e sofrimento que diversas famílias passam diariamente, os franciscanos do Convento oferecem palavras de conforto, encorajamento e esperança aos familiares que choram pelo falecimento de seus entes queridos. A Celebração do Abraço e da Esperança é realizada diariamente (cada dia em uma Igreja ou Santuário da Província Franciscana) e pode ser acompanhada pelo canal da TV Franciscanos no YouTube. Todos os sábados a Celebração é realizada no Convento da Penha e conta com transmissão ao vivo também pelo Instagram e YouTube.

Veja a Celebração na íntegra.

Adicionar Comentário

Clique aqui para comentar

Eventos

SuMoTuWeThFrSa
 

1

2

3

4

5

6

7

8

9

10

11

12

13

14

15

16

17

18

19

20

21

22

23

24

25

26

27

28

29

30

31

 
 « ‹ago 2020› » 

Saiba mais

Facebook

No upcoming event