5º Domingo da Páscoa: “fora da videira, nós os ramos, não temos existência”

Compartilhe:

“Eu sou a videira e vós os ramos. Aquele que permanece em mim, e eu nele, esse produz muito fruto; porque sem mim nada podeis fazer”.

Paz e Bem!

Neste 5º Domingo da Páscoa, Jesus se apresenta a nós como a “videira verdadeira e o pai o agricultor”, nos fazendo refletir nosso relacionamento com Ele. Nossas relações com Jesus são frutos da vontade de Deus, cultivados e aos cuidados do Senhor.

Ora, não existe vida fora da videira. “Fora da videira, nós os ramos, não temos existência, morremos, secamos. Cristo nos faz compreender que sem Ele, nada podemos fazer, nada podemos se não estivermos unidos Nele e a Ele”.

O projeto de vida cristã consiste na permanente união a Cristo. Assim Cristo produz frutos em nós e através de nós que somos galhos unidos ao tronco. Tudo o que fazemos é Cristo que faz em nós: O ramo que corta essa ligação seca e é queimado. Essa união ao tronco nos dá uma garantia de força da oração: “Pedi o que quiserdes e vos será dado”. É a oração na força de Cristo vida.

Assista a reflexão do Frei Alessandro Dias do Nascimento, OFM.

Posts Relacionados

Facebook

Instagram

Últimos Posts

Aquele 13 de maio de 1981

Paz e Bem! Quarenta anos atrás, o dramático atentado ao Papa João Paulo II na Praça São Pedro. Um dia que entrou na memória coletiva

X