ECOS DO CONVENTO Notícias

Reunião define novos caminhos do programa “Ecos do Convento”

Compartilhe esta notícia:

Paz e Bem!

O programa “Ecos do Convento” é uma iniciativa de preservação permanente que surgiu com a com a reflexão sobre as situações cotidianas vivenciadas pelos freis do Convento e também pelos visitantes do Convento da Penha. Neste intuito, o projeto foi criado afim de “ecoar, lançar ecos”, de boas ações, de atitudes efetivas em prol da conscientização, para uma sociedade mais consciente e um meio ambiente sustentável.

Por meio de recomendação técnica de parceiros públicos para matar abelhas que visitam os espaços do Santuário, como a lanchonete e que muitas vezes podem picar seus visitantes; visitantes que matam animais como aranhas, lagartos e serpentes alegando que estão em “local inapropriado”, podendo colocar em risco a vida dos visitantes; pessoas que insistem em alimentar os macaquinhos saguis (com balas, pipocas, doces e outros alimentos, porque
são “bonitinhos”); vizinhos solicitando o corte de árvores nativas, reclamando que o excesso de sombra em seus
quintais causa mofo nas residências, ou que a queda dos galhos das árvores quebram o telhado; Diante destas práticas, o programa de preservação da fauna e flora do Convento foi criado.

O programa é constituído de um Conselho Gestor, composto pelo Frei Paulo Roberto Pereira, membros da Associação dos Amigos do Convento da Penha, Amigos e Voluntários do Convento e pela zootecnista Karina Moreira Nolasco de Carvalho, mediadora e uma das idealizadoras do projeto.

Em 2019 o Conselho ainda não havia se reunido. Recentemente, após um encontro, definiram novas ações e novos caminhos. Agora a base do programa é a implantação do espaço disseminador, e seu caráter humanista, holístico, interdisciplinar e participativo, será a estratégia para ecoar iniciativas que visam contribuir para a renovação do processo educativo.

Nesse sentido o programa também realizará e participará de eventos, visando sensibilizar maior número de
pessoas. A proposta é estimular a permanente avaliação crítica do público, através de vivencias e conteúdos adequados à realidade cotidiana. O envolvimento dos participantes em ações concretas de transformação, num campo relativamente autônomo de atividade e de saber, contribuirá para o alcance dos resultados esperados. O espaço disseminador terá um regimento interno e apresentará de forma clara o plano de gestão e monitoramento,
plano de comunicação e gestão do conhecimento. Neste espaço serão desenvolvidos projetos como:

  • Agentes EcoMultiplicadores;
  • Aquaponia;
  • Banco de sementes;
  • Borboletário;
  • Pontos de Coleta seletiva;
  • Eco-Apoiador;
  • Eco-Eventos;
  • Eco-Guardiões;
  • Energia limpa;
  • Horta urbana;
  • Jardim vertical e sensorial;
  • Meliponário;
  • Minhocário e compostagem;
  • Trilha Educativa;
  • Viveiro de mudas.

Ficou definido que o programa Ecos do Convento dará prioridade ao levantamento secundário de todos os projetos já executados, e que será aberto uma chamada pública para os parceiros que desejarem participar conjuntamente do programa.

Eventos

DomSegTerQuaQuiSexSab
 

1

2

3

4

5

6

7

8

9

10

11

12

13

14

15

16

17

18

19

20

21

22

23

24

25

26

27

28

29

30

31

 
 « ‹maio 2019› » 

Saiba mais

Facebook