Oração dos Romeiros

Virgem da Penha, minha Senhora e minha Mãe, subo ao vosso Santuário para ver a vossa Imagem, contemplar a vossa Face, para vos louvar e amar.
Guardei no coração as palavras do Calvário: “Mulher, eis aí teu Filho”.
E venho trazer-vos, hoje, as homenagens do meu amor filial.Subo esta Penha Sagrada porque meu coração, repleto de tanta angústia, precisa de vós,
de vosso sorriso, das vossas alegrias, do vosso Jesus.

Venho do meio dos homens onde há tanta tristeza, tanta dor, tanta maldade.
Os homens precisam de vós, de vossa clemência, do vosso Jesus.

Não olheis para os meus pecados e nem para os pecados dos homens, meus irmãos.
Lembrai-vos de que sois minha Mãe, sois refúgio dos pecadores, a glória e a alegria do povo santo de Deus!

Lembrai-vos de que ninguém vos pediu em vão. Socorrei os pobrezinhos. Olhai pelos órfãos, pelas crianças abandonadas. Ajudai os fracos, os que não creem, não esperam, não amam.

Não consintais que morram as esperanças dos que cultivam a terra.
Dai vida à semente, chuva e calor aos campos lavrados.

Abençoai os operários das oficinas e os operários do saber, que juntos tornam menos triste e mais humano o exílio neste vale de lágrimas.

Dai paz ao meu coração, a paz a todos os homens, a paz a todos os povos.
Fazei que este chão se torne digno de guardar vosso Santuário, de receber e distribuir as promessas de Cristo.

Fazei-me digno de ser vosso devoto, vosso filho, de entrar, num dia, no reino da glória celeste. Amém

Compartilhe e evangelize:

Imprimir
Copyright © 2017 Franciscanos.org.br - Todos os direitos Reservados.