Notícias

HISTÓRIA DO CONVENTO: “Ladeira da Penitência”, o primeiro caminho de acesso

Compartilhe esta notícia:

Paz e Bem!

Vamos conhecer mais uma parte da “História do Convento”, hoje a “Ladeira da Penitência”, primeira via de acesso ao Convento.

Foto de 2004

A “Ladeira da Penitência” é um caminho que permite acessar o Campinho do Convento, exclusivo para pedestre. Ela também é conhecida como a “Ladeira das 7 Voltas” ou ainda como “Estrada das 7 Alegrias de Nossa Senhora”. “Penitência” é devido ao seu acentuado aclive e disformidade de calçamento feito de “pé-de-moleque”, o que exige esforço para subi-la, além de bastante atenção, já que há muitas pedras escorregadias.

O nome de “Ladeira das 7 voltas” foi colocado em virtude das exatas sete curvas graciosas, como que serpenteia pela mata, com seus recantos maravilhosos e convidativos à meditação e à oração a cada volta. As Sete Voltas também insinuam as “7 Alegrias de Nossa Senhora”, a cada volta, uma alegria; apreciada assim sob uma devoção instituída e propagada pela Ordem Franciscana: Anunciação, Visita à prima Isabel, Nascimento de Jesus, Recebimento do Espírito Santo, Apresentação de Jesus no templo, Ressurreição e Assunção de Nossa Senhora.

A “Ladeira da Penitência” é o caminho mais antigo do Convento, teve sua fundação junto com o Convento. Por ela, já passaram algumas personalidades importantes no cenário político e religioso do Brasil, como o Imperador Dom Pedro II – com sua comitiva em 1860-, Frei Pedro Palácios, São José de Anchieta, entre outros… O seu calçamento de pedras é produto do trabalho inicialmente dos índios, em seguida, dos escravos, que ocorreu pelo ano de 1643, iniciativa do Frei Paulo de Santo Antônio, o então Guardião do Convento na época. De acordo com historiadores, entre 1774 e 1777, a estrada foi renovada e recebeu melhorias, que são as que perduram até os dias atuais.

A subida pela Ladeira, resulta numa caminhada de 457 metros. Enche de encantos pelas pedras seculares do calçamento, pelo verde da árvores seculares, pelos animais que ambientam o local, pelos pássaros que formam um coral de melodias, pela biodiversidade da criação, pelas sete voltas com suas meditações e orações.

Na década de 1940 construiu-se o novo caminho de acesso rodoviário para o Convento, cujo portão foi construído em 1952. Esta é a estrada principal, por onde pedestres e veículos compartilham o uso para chegarem ao Campinho.

Ainda na Ladeira da Penitência, em meio à natureza, o caminho é um convite à meditação, à penitência, à oração. Muitos devotos fazem questão de fazer o trajeto de joelhos ou com os pés descalços.

Eventos

DomSegTerQuaQuiSexSab
 

1

2

3

4

5

6

7

8

9

10

11

12

13

14

15

16

17

18

19

20

21

22

23

24

25

26

27

28

29

30

 
 « ‹jun 2019› » 

Saiba mais

Facebook