Notícias

Frei Paulo César: “Ser missionário é dar testemunho mesmo com as dificuldades”

Compartilhe esta notícia:

Paz e Bem!

Uma manhã de muito frio, ventos fortes e céu nublado em toda a Grande Vitória, neste cenário, nada comum para os capixabas, muitos romeiros, devotos e visitantes subiram ao Convento da Penha para rezar. A Santa Missa das 9h, celebrada na Capela do Convento foi presidida pelo Frei Paulo César Ferreira, OFM.

Após o comentário inicial e o canto de abertura, Frei Paulo César acolheu a todos, deu as boas vindas e conduziu os ritos iniciais.

“Deus nos quer cuidadores, zelosos, dedicados na missão, no cuidado um com o outro. Que ninguém se sinta sozinho, desamparado, mas estimulado a dar o melhor de si, no testemunho da comunidade, por isso que é importante a gente participar. Aqui na Penha estamos entre amigos, visitando… Nossas comunidades ficaram lá embaixo. Aqui bebemos da fonte da Palavra e descemos a Penha revigorados, iluminados, iluminadores também, dispostos a dar o melhor de nós no campo da missão onde o Senhor nos permite viver, conviver”, refletiu Frei Paulo no início da homilia.

“Ser discípulo de Jesus, portanto ser cristão, é estar à serviço do Reino de Deus. Isto requer fidelidade à pessoa de Jesus e aos seus ensinamentos. Jesus continua a nos chamar, a nos enviar, assim como Ele próprio foi enviado pelo Pai, a fonte da missão é o Pai, o Deus amoroso, misericordioso de coração. Ninguém vai sozinho, somos enviados  dois a dois, ou então em comunidade. A missão é sempre fraternal, juntos, nos apoiando, nos corrigindo, nos incentivando, a missão é sempre comunitária. Em nome da Igreja, eu vou!”

Frei Paulo César explicou o trecho do Evangelho que diz da necessidade de enviar mais operários para a messe. “É preciso rezar ao dono da messe que envie operários, mas também é preciso cuidar para que o nosso testemunho seja cada vez mais coerente, atraente, convincente, para que muitos outros sintam-se também interessados e se prontifiquem. E vamos preparados, haverá perseguição, ameças, rejeição, sofrimento, morte… Mas os discípulos de Cristo resistem confiantes e esperançosos. O cristão missionário deve ser desapegado, humilde, simples, pacífico. Não se ofende e nem é ofensivo…”

Assista a reflexão completa abaixo

Eventos

DomSegTerQuaQuiSexSab
 

1

2

3

4

5

6

7

8

9

10

11

12

13

14

15

16

17

18

19

20

21

22

23

24

25

26

27

28

29

30

31

 
 « ‹jul 2019› » 

Saiba mais

Facebook