Notícias NOTÍCIAS DA FESTA

Festa da Penha: dom de curar as feridas abertas pelo medo

Compartilhe esta notícia:

“A Festa da Penha é convergência de boa vontade e isso nos dá a certeza de que faremos uma Festa bonita. Os tempos tão sombrios que vivemos exigem de nós o resgate do encantamento das coisas bonitas, feitas com o coração. A Festa da Penha terá o dom de curar as feridas abertas pelo medo, pela intolerância, pela desesperança. A Festa da Penha terá o dom de resgatar a alegria de estar na presença do Senhor, de promover a alegria de estar a serviço dos irmãos e das irmãs”. É com essa esperança que o guardião do Convento da Penha, Frei Paulo Pereira, prepara-se para mais uma gigantesca demonstração de fé do povo capixaba.

Neste ano, o tema da Festa – “Eis aqui a serva do Senhor” (Lc 1, 38) -, que é também a primeira das 7 Alegrias de Nossa Senhora, enfatiza o aspecto vocacional. “A experiência da jovem Maria, chamada por Deus para ser a Mãe do Salvador, trouxe a motivação da escolha do lema da Festa da Penha 2019: ‘Eis aqui a serva do Senhor’ (Lc 1, 58). A resposta livre e vigorosa de Maria se faz caminho para tantos que andam inquietos e, ao mesmo tempo, desejosos de servir ao Senhor”, explica Frei Paulo. O tema foi escolhido tendo em vista o Sínodo do Jovens no ano passado e a Jornada Mundial da Juventude, no Panamá, que escolheu como tema a resposta de Maria ao chamado de Deus: «Eis a serva do Senhor, faça-se em mim segundo a tua palavra» (Lc 1, 38).

Mais de 1,5 milhão de peregrinos é esperado no tradicional Convento da Penha, que foi erguido pelos franciscanos em 1558. “A cada ano é notável o crescimento da Festa da Penha. Cresce o número de participantes, cresce a qualidade de participação, cresce a abrangência do anúncio da alegre notícia da ressurreição de Jesus. Desde o encerramento da última edição, muitas pessoas já se mobilizaram para a organização da Festa deste ano. Esse é o grande dom da Festa da Penha; reunir, congregar pessoas. Voluntários, devotos, homens e mulheres movidos pela piedade e confiança na materna proteção de Deus”, avalia Frei Paulo.

Segundo o guardião, este ano a organização da Festa teve o cuidado de contemplar ações direcionadas à juventude. “A novidade da edição deste ano é a introdução da Vigília dos Jovens no Campinho do Convento. A Vigília acontecerá na véspera da Festa, domingo, dia 28, a partir das 21h30. As Pastorais das Juventudes, os Movimentos e Serviços desta dimensão vão propor atividades conforme o modelo das Vigílias que aconteceram nas recentes Jornadas Mundiais da Juventude”, explicou Frei Paulo, lembrando que a Festa é sempre ocasião para o revigoramento da ação evangelizadora da Igreja do estado do Espírito Santo.

Frei Paulo lembra que a Festa da Penha é essencialmente franciscana. ‘Reunimos a Igreja, congregamos o povo de Deus para celebrar jubilosamente as alegrias de Nossa Senhora. A recordação das Sete Alegrias de Maria foi um jeito popular que a tradição franciscana encontrou para levar a todos o conhecimento da predileção de Deus por nós e sua proposta de vida e salvação. Esse patrimônio franciscano foi abraçado com carinho pelo povo capixaba. Desde o início deste ano a Arquidiocese de Vitória tem como pastor Dom Frei Dario Campos, franciscano da Província de Santa Cruz-MG. Certamente, por sua formação, por sua escolha vocacional, por seu apreço pelo Pobrezinho de Assis, Dom Dario ficará muito à vontade para destacar o matiz franciscano da Festa da Penha”, observa Frei Paulo.

A Festa da Penha tem início no domingo da Páscoa (21/4) com o Oitavário e termina no dia 29 de abril, Dia da Padroeira do Espírito Santo, Nossa Senhora da Penha. Este grande evento terá doze romarias, incluindo a tradicional Romaria dos Homens, que tem a maior participação de todo o oitavário. Ela nasceu em 1958 e não tem similar no mundo, principalmente pelo expressivo número de mais de 500 mil participantes que percorrem 14 quilômetros, entoando cânticos e orações. É realizada no primeiro sábado após a Páscoa, à noite, saindo da praça da Catedral Metropolitana de Vitória até o Parque da Prainha, quando se dá a Celebração Eucarística por volta das 23h30.

A Festa da Penha é a maior manifestação religiosa do Espírito Santo e a terceira maior festa religiosa do país, atrás apenas da festa da Padroeira do Brasil, Nossa Senhora Aparecida, no estado de São Paulo, a do Círio de Nazaré, em Belém, no Pará.

O Oitavário acontece em vista a grande festa de Nossa Senhora das 7 Alegrias, que é celebrada na segunda-feira após a oitava da Páscoa.

Texto de Moacir Beggo – site franciscanos.org.br


Confira abaixo a programação oficial da Festa da Penha 2019.

21 de abril (Domingo de Páscoa)

  • Missas na Capela do Convento às 05h, 7h, 9h e 11h
  • Bênção dos Cavaleiros no Parque da Prainha às 10h
  • Abertura no Campinho do Convento às 15h – (Área Pastoral Vila Velha).

22 de abril (Segunda-feira)

  • Missas na Capela do Convento às 06h, 7h e 9h30
  • Oitavário com Missa no Campinho às 15h – (Área Pastoral Serrana)
  • Noite de Oração no Campinho do Convento às 19h30, com participação do Movimento das Mães que Oram Pelos Filhos.

23 de abril (Terça-feira)

  • Missas na Capela do Convento às 6h, 7h e 09h30
  • Oitavário com Missa no Campinho às 15h – (Área Pastoral Cariacica/Viana)
  • Bênção para casais no Campinho do Convento às 19h30

24 de abril (Quarta-feira)

  • Missas na Capela do Convento às 06h, 7h e 9h30
  • Oitavário com Missa no Campinho às 15h – (Área Pastoral Benevente)
  • Noite Mariana na Catedral Metropolitana de Vitória às 19h30, com participação do Padre Joãozinho e da Orquestra de Violões Bom Pastor – Maestro Hugo Leonardo

25 de abril (Quinta-feira)

  • Missas na Capela do Convento às 06h, 7h e 9h30
  • Oitavário com Missa no Campinho às 15h – (Área Pastoral Serra/Fundão)
  • Apresentação da Orquestra Sinfônica do Espírito Santo no Santuário de Vila Velha às 19h30

26 de abril (Sexta-feira)

  • Missas na Capela do Convento às 6h, 7h e 9h30
  • Romaria dos Militares, com saída do Portão do Convento às 14h
  • Oitavário com Missa no Campinho às 15h – (Área Pastoral de Vitória)
  • Noite Franciscana “Tributo Paz e Bem”, no Campinho do Convento às 19h30, com Frei Paulo César e convidados.

27 de abril (Sábado)

  • Missa na Capela do Convento às 6h
  • Missa da Diocese de São Mateus às 8h no Campinho
  • Remaria – Saída da Praia da Costa às 08h
  • Romaria das Pessoas com Deficiência às 8h – Saída da Praça Duque de Caxias, Centro de Vila Velha.
  • Translado da Imagem de Nossa Senhora da Penha pela Baía de Vitória – 10h, saída da Escola de Aprendizes de Marinheiros do Espírito Santo – EAMES
  • Missa da Romaria dos Adolescentes e Jovens no Campinho às 10h
  • Oitavário com Missa (Diocese de Cachoeiro de Itapemirim) no Campinho às 15h
  • Missa de Envio e Bênção da Romaria dos Homens, na Catedral Metropolitana de Vitória, às 18h e em seguida o início da caminhada rumo ao Parque da Prainha.
  • Missa de Encerramento da Romaria dos Homens no Parque da Prainha às 23h.

28 de abril (Domingo)

  • Missas na Capela do Convento às 05h e 07h
  • Missa da Diocese de Colatina no Campinho às 8h
  • Bênção dos Motociclistas na Prainha às 10h
  • Romaria das Mulheres, com saída do Santuário de Vila Velha às 16h. Participação do Coral da ARCELOR
  • Encerramento do Oitavário e Missa da Romaria das Mulheres na Prainha às 17h
  • Show com a Banda Adventus (show de raggae católico)
  • Vigília Eucarística Jovem no Campinho do Convento. Abertura às 22h e Vigília até às 7h da manhã do dia 29 de abril (segunda-feira)

29 de abril (Segunda-feira) – DIA DA PADROEIRA DO ESPÍRITO SANTO

  • Encerramento da Vigília Eucarística Jovem e Missa da CRB e Seminário no Campinho às 7h.
  • Romaria dos Ciclistas com saída às 8h, em frente a Praça Sebastião Cibien, em Cobilândia, Vila Velha.
  • Romaria dos Conguistas no Campinho do Convento às 9h
  • Missa das Pastorais Sociais no Campinho às 10h.
  • Apresentação da Associação Cultural Coletivo do Samba – Projeto de Mestre Sala e Porta Bandeira Mirim no Campinho do Convento às 11h
  • Missa de Encerramento da Festa da Penha 2019, às 16h. no Parque da Prainha.
  • Show de Encerramento com a Banda Adventus (participação de Léo Rabello, Padre Jacqson, Raquel Carpeter e Flávia Dornellas) no Parque da Prainha, às 18h30
  • Missas na Capela do Convento às 00h, 02h, 06h, 09h e 12h

Faltam

para a Festa da Penha 2019

Eventos

DomSegTerQuaQuiSexSab
 

1

2

3

4

5

6

7

8

9

10

11

12

13

14

15

16

17

18

19

20

21

22

23

24

25

26

27

28

29

30

 
 « ‹abr 2019› » 

Saiba mais

Facebook