Notícias

D. Sevilha nomeado para a Diocese de Bauru

A Nunciatura Apostólica no Brasil comunicou nesta quarta-feira, 28, a decisão do papa Francisco em acolher o pedido de renúncia apresentado por Dom Caetano Ferrari, OFM, bispo de Bauru, no Estado de São Paulo, por motivo de idade. Com a decisão o atual bispo auxiliar de Vitória, no Espírito Santo, Dom Rubens Sevilla assume a Diocese. A notícia foi publicada no Jornal L’Osservatore Romano desta quarta-feira, às 12 horas de Roma. Dom Caetano é frade desta Província da Imaculada Conceição, onde foi Provincial antes de ser nomeado bispo.

Dom Rubens Sevilla é frade da Ordem dos Carmelitas Descalços (OCD), e natural de Taraby (SP). Fez seus estudos eclesiásticos na Faculdade Nossa Senhora Medianeira dos Jesuítas em São Paulo, onde cursou Filosofia e em Roma estudou Teologia Internacional do Teresianum. Foi nomeado bispo auxiliar de Vitória em dezembro de 2011, pelo então papa Bento XVI. Seu lema episcopal é: “Pertransivit Benefaciendo”.

Dom Leonardo Steiner, secretário-geral da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), enviou saudação em nome da entidade ao novo bispo de Bauru.

Confira, abaixo, a saudação na íntegra:

Brasília, 28 de março de 2018

Saudação da CNBB a dom Rubens Sevilha

Prezado Irmão, dom Rubens Sevilha

A Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) tomou conhecimento, hoje, 28 de março, da decisão do Papa Francisco em acolher o pedido de renúncia apresentado pelo bispo da diocese de Bauru (SP), dom Caetano Ferrari, de acordo com o cânon 401§1º do Código de Direito Canônico, por motivo de idade e de nomear o senhor, como seu sucessor naquela diocese paulista.

Sabemos do seu trabalho realizado como auxiliar de dom Luiz Mancilha, arcebispo de Vitória (ES). Sabemos da sua formação e da sua espiritualidade. Tudo isso nos deixa esperançosos diante da nova missão que a Igreja lhe confia.

Acolhemos sua nomeação trazendo presente a palavra do Papa Francisco sobre a Igreja e o Espírito Santo dirigida ao pregador do retiro no qual participou durante a Quaresma: “Obrigado por nos ter recordado que a Igreja não é uma gaiola para o Espírito Santo, que o Espírito voa e age também fora. E com as citações e com aquilo que nos disse, o senhor mostrou-nos como Ele trabalha nos não-crentes, nos ‘pagãos’, nas pessoas de outras confissões religiosas: é universal, é o Espírito de Deus, que é para todos. Também hoje existem ‘Cornélios’, ‘centuriões’, ‘guardas da prisão de Pedro’ que vivem uma busca interior, ou que sabem distinguir quando há algo que chama. Obrigado por esta chamada a abrir-nos sem temores, sem rigidez, para sermos dóceis ao Espírito e para não nos mumificarmos nas nossas estruturas, que nos fecham”.

A CNBB agradece a fecunda vida e missão de dom Caetano Ferrari, e pede a Deus, por intercessão Maria, Mãe do Perpétuo Socorro, conceder aos senhores, a graça da saúde e da paz.

Em Cristo,

Dom Leonardo Ulrich Steiner

Bispo Auxiliar de Brasília

Secretário-Geral da CNBB

Eventos

DomSegTerQuaQuiSexSab
 

1

2

3

4

5

6

7

8

9

10

11

12

13

14

15

16

17

18

19

20

21

22

23

24

25

26

27

28

29

30

31

 
 « ‹maio 2018› » 

Momento Mariano

Facebook