Eventos Notícias

Convento abre exposição “Arquitetura Gótica: A Maestria Medieval”

Compartilhe esta notícia:

Paz e Bem!

O Convento da Penha e a Associação dos Amigos do Convento têm o prazer de promover a Exposição “Arquitetura Gótica: A Maestria Medieval”, da arquiteta, urbanista e mestra em História da Arte, Tainah Moreira Neves.

A exposição de fotografias traz o olhar único e diferenciado da fotógrafa sobre aspectos e detalhes da arquitetura gótica de catedrais medievais europeias (França e Inglaterra), revivendo esse estilo de construção que parece distante, mas que na época, foi revolucionário. O objetivo da mostra também é desfazer a errada concepção de que o “gótico” significa algo sombrio ou negativo.

A arquitetura gótica representou uma ruptura na arquitetura vigente da época, trazendo os vitrais e a luz para o interior das igrejas, além das magníficas dimensões que as igrejas tomaram nessa época, a partir do século XII.

Ao passar pela exposição, na Sala de Exposições do Convento, o visitante poderá também aprender um pouco mais sobre o conceito de catedral e suas funções, além de poder, ao visitar a Catedral de Vitória construída em estilo eclético com influência neogótica, ter uma visão mais ampliada do que esse estilo representou na história da arte e da arquitetura.

Tainah Moreira revela que começou a se interessar por esse olhar diferenciado da arte gótica desde 2005. “A luz colorida filtrada pelos vitrais me conquistou pela primeira vez em 2005 quando estive na Catedral de Petrópolis, construída no estilo neogótico no século XIX/XX . A partir daí comecei a pesquisar sobre a origem do Gótico até que tive a oportunidade de conhecer as belas obras europeias e pesquisá-las in loco. Fiz meu projeto de graduação do curso de Arquitetura e Urbanismo sobre as catedrais de Chartres, Reims e Amiens da França. Já para a minha dissertação de mestrado, pesquisei a Basílica de Saint-Denis. Algo que notei ao pesquisar os livros e as fotografias disponíveis era que eu tinha necessidade de visualizar ângulos e detalhes artísticos e arquitetônicos que nem sempre eram fotografados, foi aí que comecei a fotografar detalhes que muitas vezes passam despercebidos pela maioria das pessoas, mas que são essenciais para compreender o espaço arquitetônico que os medievais estavam tentando alcançar”, explica.

A conservação dos patrimônios artísticos e arquitetônicos é essencial para compreendermos a nossa história e podermos planejar o futuro. O visitante terá acesso à 56 fotografias de 9 diferentes catedrais, e poderá compreender as semelhanças e diferenças entre elas.

Os construtores medievais procuravam exaltar a beleza das criações divinas na construção dos templos, para isso utilizaram da maestria das formas arquitetônicas e artísticas para comunicar a perfeição divina. Suger (Abade do século XII da Basílica de Saint-Denis, França), acreditava que pela contemplação das belas formas, o fiel poderia alcançar a elevação.

A exposição funcionará de quarta a domingo, de 8h às 12h e de 12h30 às 16h, na Sala de Exposições do Convento da Penha. A entrada é gratuita.

Eventos

DomSegTerQuaQuiSexSab
 

1

2

3

4

5

6

7

8

9

10

11

12

13

14

15

16

17

18

19

20

21

22

23

24

25

26

27

28

29

30

31

 
 « ‹jul 2019› » 

Saiba mais

Facebook